Pular para o conteúdo

4 vantagens do gás encanado para residências e condomínios

  • por
Tempo de leitura: 1 minuto

Antes de adquirir um produto, você costuma pesquisar marcas, preços e modelos, para então escolher o que vai comprar de acordo com os benefícios que esse produto poderá proporcionar, correto? Normalmente, você prioriza uma marca de boa qualidade e que seja também econômica, por exemplo.

Você já se perguntou se prefere usar o gás de cozinha envasado (em botijões) ou canalizado? Confira abaixo 4 vantagens do consumo de gás encanado em condomínios e residências.

  1. É mais seguro

Como é armazenado em cilindros ao invés de botijões, o gás canalizado não tem o mesmo risco de vazamentos. A canalização é projetada de forma a garantir segurança na distribuição aos usuários e obedece a normas específicas. É encontrado com mais facilidade em condomínios.

  1. Proporciona rápido cozimento

O gás canalizado libera uma chama mais forte no fogão e sem oscilações, o que proporciona maior rapidez ao cozinhar os alimentos. Além disso, duas ótimas dicas é você cortar os alimentos em pedaços menores e tampar as panelas. Assim, terá maior agilidade no processo de cozimento.

  1. Gera maior comodidade

Quem usa o gás de cozinha armazenado em botijões já passou por alguma dificuldade quando o gás acaba. Caso tenha um botijão de reserva, precisa fazer a troca com rapidez e segurança, para não comprometer o cozimento, ou entrar em contato com uma revenda de gás para solicitar um novo botijão. Já através do fornecimento do gás canalizado, é possível visualizar no registro do cilindro quando o gás está próximo de acabar e assim evitar transtornos.

  1. Possui várias formas de uso

O gás encanado não tem como finalidade apenas o uso doméstico para cozinhar os alimentos. É usado também como fonte de energia em indústrias e pode gerar aquecimento de água em chuveiros e torneiras.

Gostou de conhecer um pouco mais sobre as vantagens do gás canalizado? Então acompanhe o blog RevGás e fique por dentro de todas as novidades sobre temas relacionados ao uso de GLP!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguês do Brasil